• (0)
    ISO-9001-blog

    Base de conhecimento ISO 9001

    Infográfico: ISO 9001:2015 vs. Versão 2008 – O que mudou?

    A nova versão 2015 da ISO 9001, a norma internacional líder para o projeto e implementação de Sistema de Gestão da Qualidade, está finalmente diante de nós. Como vem a ser norma muito aguardada, agora podemos ver o que realmente mudou na nova versão.

    iso_9001-2015_vs_iso_9001-2008_infographic-pt_br

    Para ter uma visão melhor das diferenças entre as duas versões, consulte esta ISO 9001:2015 vs. ISO 9001:2008 matrix gratuita.

    História das Normas de Sistema de Gestão da Qualidade

    A ISO 9000 foi primeiramente publicada em 1987. Ela era baseada na série de normas BS 5750 do BSI que foram propostas a ISO em 1979. Contudo, sua história pode ser traçada até 20 anos antes disso, para a publicação da norma MIL-Q-9858 do Departamento de Defesa dos Estados Unidos em 1959. A MIL-Q-9858 foi revisada para a série de normas NATO AQAP em 1969, que por sua vez foi revisada para a série de normas orientativas BS 5179 publicada em 1974, e finalmente revisada na série de normas de requisitos BS 5750 em 1979 antes de ser submetida a ISO. A primeira revisão foi feita em 1994, e a norma foi emitida como um Sistema de garantia da qualidade. Neste ponto, a norma tinha três sub-normas: ISO 9001, ISO 9002 e ISO 9003. A próxima revisão da norma foi feita no ano 2000, e esta norma definiu o Sistema de Gestão da Qualidade. Em 2008 a terceira revisão foi publicada, e agora a versão 2015 é a versão corrente.

    Alinhamento

    A nova versão da ISO 9001 está alinhada como Anexo SL, o que a torna mais compatível com outras normas de sistema de gestão como ISO 14001, ISO 22301, ISO 27001, e ISO 20000, e torna a integração ainda mais fácil. Veja também: Integrating ISO 9001 and ISO 14001.

    Período de transição

    Organizações certificadas pela versão 2008 da ISO 9001 devem fazer a transição para a nova versão até setembro de 2018. Mas não seja enganadopor este prazo folgado; os principais organismos de certificação anunciaram planos para parar de certificar pela versão 2008 em setembro de 2016, o que significa que você pode ser certificado pela antiga versão no próximo ano e ter sua última audioria de manutenção em 2018. Mas, por que esperar tanto tempo? Organizações podem obter a certificação pela nova versão a partir de setembro de 2015.

    Comparação

    Existem agora sete princípios ao invés dos oito da versão 2008, mas a essência é a mesma. A nova versão tem 10 ao invés de oito cláusulas na antiga versão, e ao invés de seis procedimentos obrigatórios, há agora seis documentos obrigatórios que não tem que estar na forma de um procedimento. Isto pode ser um pouco confuso no início, mas a intenção foi prover mais liberdade na documentação do Sistema de Gestao da Qualidade. Veja também: ISO 9001:2015 vs. ISO 9001:2008 matrix.

    Requisitos

    Existem alguns novos requisitos, mas os mais significativos são o Contexto da organização (Cláusula 4) e Ações para tratar riscos e oportunidades (Cláusula 6.1). A idéia por trás destes novos requisitos é incorporar o SGQ às atividades diárias do negócio. Alguns requisitos antigos são história agora: o representante da direção e ações preventivas não são mais parte da ISO 9001, ambora eles possam ser mantidos pelas organizações. Veja também: Como identificar o contexto da organização na ISO 9001:2015 e Pensamento baseado em risco ação preventiva na ISO 9001:2015 – Os benefícios.

    ISO 9001: 2008 vs 2015 – Semelhanças e diferenças

    Diferentes partes da norma viram diferentes níveis de mudança. Política da Qualidade, Liderança, Competência, Treinamento e conscientização, Análise crítica pela direção, Auditoria interna e Ação corretiva tiveram apenas mudanças sutis, e a maior parte do SGQ existente relacionado a estes requisitos pode permanecer como esta. O segundo grupo, que possui mudanças moderadas, inclui o Controle de processos, produtos e serviços providos externamente; Objetivos da qualidade e planos para atingí-los; Avaliação de desempenho; Gestão de documentos; Produção e provisão de serviços; e Escopo do SGQ, e estes elementos deveriam se rrevisados e atualizados para estar em conformidade com a nova versão da norma.

    Há també um grupo de novos requisitos que tem que ser estabelecidos e incorporados ao SGQ existente a partir do zero. Riscos e oportunidades, Contexto da organização, e Partes interessadas são agora novos requisitos que precisam ser atendidos, e eles deveriam ser implementados com cautela porque eles lançam uma luz completamente nova sobre o Sistema de Gestão da Qualdiade.

    O que as mudanças da ISO 9001: 2015 trazem para o SGQ?

    Esta versão da norma foi a mais antecipada de todas, porque ela intriduz mudanças muito significativas na abordagem e no conceito do SGQ. Ela também traz muitos desafios para a implementação, transição e manutenção do SGQ, mas se tudo é feito como devria ser, a ISO 9001:2015 trará para o seu SGQ:

    • Melhor integração com outras atividades do negócio
    • Melhoria da abordagem de processo e do ciclo PDCA
    • Descentralização do Sistema e disseminação das resposnabilidades para o SGQ através da organização
    • Maior envolvimento da alta direção no SGQ
    • Introdução do pensamento baseado em risco no SGQ
    • Maior ênfase no monitoramento do desempenho

    A nova versão da norma dá a você umanova chance para melhoria do SGQ, e cabe a você aproveitar esta oportunidade. Clique aqui para ver uma gravação do webinar  ISO 9001:2015 vs. ISO 9001:2008 – The main changes para aprender mais detalhes sobre as diferenças entre estas duas versões.

    Advisera Strahinja Stojanovic
    Autor
    Strahinja Stojanovic
    Strahinja Stojanovic is certified as a lead auditor for ISO 13485, ISO 9001, ISO 14001 and OHSAS 18001 standards by RABQSA. He participated in implementation of these standards in more than 100 SMEs, through creation of documentation and performing in-house trainings for maintaining management system, internal audit and management review.